rsz_foto_de_destaque (2)

Semana da Leitura Concelhia 2018

A Semana Da Leitura Concelhia, subordinada ao tema refLorEsceR porque das árvores nascem os livros e cujas celebrações começaram no dia 20 de abril, sendo a abertura oficial do evento, que decorreu no hall da Casa da Cultura de Santa Comba Dão, onde se encontrava a decorrer a feira do livro. Marcaram presença Madalena Dinis, Diretora do Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão, Carla Cunha, vereadora, Luís Nunes, Presidente da Associação de Pais, Ana Craveiro, representante das bibliotecas escolares e Elizabete Almeida, em representação da Biblioteca Municipal. Estiveram também representadas a GNR e o CMAD, parceiros desta mega organização.
Carla Cunha, a vereadora, agradeceu a todos os presentes, enaltecendo e louvando em particular o trabalho realizado pelas responsáveis da rede de bibliotecas, Elizabete Almeida e Ana Craveiro, bem como o grupo de jovens músicos que abrilhantaram a abertura, os “Suspensis”.
Por sua vez, Madalena Dinis agradeceu a presença de todos, dirigiu um agradecimento especial ao professor Mário, bem como a Ana Craveiro e Elizabete Almeida, que segundo a diretora do agrupamento foram quem, com colaboração de todas as entidades envolvidas neste mega projeto, o colocaram em marcha. “ Este projeto nasceu numa folha A4 e neste momento não há folhas A3 que cheguem para resumir um plano diversificado e muito rico de atividades”, sustentou. Disse ser esta, uma boa oportunidade para os pais virem à escola, lembrando que infelizmente “o pensamento que as pessoas têm é que a escola é só para quem está dentro da escola”, o que segundo Madalena Dinis é totalmente falso, acrescentando que “cada vez mais a escola é sem muros, não tem paredes e está aberta ao exterior e o exterior deve entrar na escola”. Agradeceu também ao presidente da Associação de Pais pela importância que tem dado a esta causa, apelando à sua continuidade, apostando sempre na divulgação.
A Rede de Bibliotecas de Santa Comba Dão (RBSCD) em parceria com a Câmara Municipal e o Agrupamento de Escolas (AESCD), organizou um programa muito enriquecido de atividades que envolveu todos os anos de escolaridade em atividades lúdico-pedagógicas diversificadas e distribuídas pelos cinco estabelecimentos de ensino do Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão e outros pontos do concelho, como a Biblioteca Municipal Alves Mateus, o Jardim de Infância da Santa Casa da Misericórdia, a Câmara Municipal, a Casa da Cultura e o Auditório Municipal. Todos os alunos de todos os ciclos foram contemplados com encontros com diversos escritores, como Lúcia Morgado, Alice Cardoso, Amaro Figueiredo, Amadeu Braguês e Raul Minh`alma, existindo ainda a artilha de leituras, oficinas de escrita, atividades lúdicas, exposições, workshops, palestras, cinema, poesia, teatro, ilustrações, um roteiro pel`a árvore e poesia, concurso de leitura e uma feira do livro.
Os alunos dos 12º anos tiveram a oportunidade de realizar uma visita à Assembleia da República, o que aconteceu no dia 26 de Abril.
O evento criou também uma boa oportunidade para os pais e encarregados de educação visitarem as escolas e assistirem a algumas das iniciativas dinamizadas pelas respetivas crianças e jovens, uma vez que as atividades foram abertas à comunidade, existindo mesmo os chamados “dias abertos”, 26 e 27 de Abril, onde não decorreram atividades letivas, como está previsto no calendário escolar, desenrolando-se apenas atividades de carácter cultural, recreativo e desportivo programadas para estes dois dias.
A interação com os pais e encarregados de educação foi sempre uma preocupação tida em conta e vários foram os convites endereçados aos mesmos, apelando à sua participação e envolvimento nas atividades. Foi o que aconteceu na atividade intitulada “uma árvore pela poesia”, onde os pais e encarregados de educação foram convidados a criar uma árvore por turma, utilizando para tal qualquer tipo de material, de preferência reciclável, tendo sido colocadas no largo da lateral do edifício da Câmara Municipal a embelezar o mesmo. Este lugar teria um outro objetivo, seria o ponto de chegada do “roteiro pel`a árvore e poesia”, uma atividade que teve pouca adesão, mas de um interesse extraordinário, onde durante aproximadamente duas horas, realizando-se um percurso pedestre pelas ruas da cidade, se pretendeu dar a conhecer alguns escritores Santacombadenses. Do que se ouviu, fica a certeza que os escritores Santacombadenses vão continuar a existir. A partir da próxima e ao longo de doze semanas irão ser publicados no Jornal Defesa da Beira os referidos poemas, bem como uma pequena resenha biográfica de alguns escritores Santacombadenses.
Esta semana foi criada com o objetivo de celebrar e incentivar o prazer de ler e numa dinâmica que se quis proativa e vários foram os desafios e atividades propostos com o intuito de promover a leitura nas nossas crianças e jovens. Foram preparadas diferentes iniciativas para assinalar esta importante semana.
Todas as atividades e partilhas de leituras entre todos foram momentos ímpares que enriqueceram de uma forma lúdica e prazerosa os que nela mergulharam com intensidade. Consideramos que o uso desta ferramenta tão fundamental, a leitura, para a construção de uma sociedade mais capaz e mais criativa.
O encerramento das atividades da semana da leitura concelhia deu-se com um concerto que reuniu uma boa parte do Agrupamento de Escolas de Santa Comba Dão, do primeiro ciclo ao secundário, para um espetáculo musical único, desenvolvido no âmbito das AEC de música pelo CMAD, realizado no exterior da Escola Secundária de Santa Comba Dão.
Uma orquestra, da qual faziam parte alunos que frequentam ou frequentaram o ensino articulado da música e os cursos profissionais de música do agrupamento, bem como os professores das AEC, e um coro com cerca de 350 alunos do 1º ciclo do ensino básico presentearam a plateia com aquilo que tão bem sabem fazer.
As atividades preencheram os dias da comunidade escolar, sénior e a comunidade em geral e foram consideradas um sucesso.
O grupo de trabalho da Rede De Bibliotecas De Santa Comba Dão (RBSCD) empenhou-se na íntegra para a concretização deste evento, contudo, louva o trabalho de articulação e de equipa que houve à volta destas atividades, agradecendo a colaboração ativa de todos os intervenientes.
Seguem-se algumas fotos que envolveram todos os grupos do Pré-Escolar ao 12º ano, séniores e comunidade em geral.

Brevemente divulgaremos um link com galeria de fotografias.